MANEIRAS DE DEIXAR SUA CASA GOSTOSA
  • Beleza sustentável
  • A consciência ecológica é uma necessidade, portanto, o reaproveitamento e a reciclagem de materiais é uma ótima maneira de fazer a sua parte.

  • Iluminação natural
  • Uma casa com amplas aberturas é mais saudável e mais gostosa de ficar. Na falta das amplas aberturas, a dica é usar espelhos, pois eles refletem a luz criando mais luminosidade. Além disso, promovem novas perspectivas sobre o ambiente, ângulos, que a olho nu, não seriam vistos.

  • Vento a favor
  • As grandes aberturas, além da boa iluminação natural, proporcionam ventilação e deixam a temperatura agradável, diminuindo o uso de ar condicionados e cooperando com o meio ambiente.

  • Resgate da natureza
  • Uma dose de verde é sempre indicada para dar frescor à casa. Um vaso com plantas ou flores, coberturas verdes são excelentes! Dispostas em pequenos arranjos, dão o tom aos ambientes.

  • O toque da madeira
  • As imperfeições da madeira são perfeitas, porque foram criadas pela natureza. Trincas, furos e manchas só tornam a peça mais bonita. Mas lembre-se, procure sempre utilizar madeiras certificadas e secas!

  • Revestimentos
  • Revestimentos e acabamentos devem acolher. Para pisos, lembre-se do conforto de andar descalço.

  • Menos é mais
  • As pessoas brigam em espaços apertados e abafados. É importante colocar poucos móveis, principalmente em ambientes pequenos. A fluidez da circulação, traz bem estar. A proporção das peças não deve roubar espaço. Tenha somente aquilo que usa. Os móveis estão para servir e não para atrapalhar. Uma base neutra favorece misturas.

  • Simetria
  • A simetria não precisa ser óbvia. Criar relações entre os elementos dá equilíbrio ao ambiente, deixando o espaço leve, suave e aconchegante.

  • Cores que animam
  • Pontue sua casa com cores que têm o seu ritmo. Podem ser suaves ou vibrantes e estar em almofadas, lustres e objetos, ou simplesmente na pintura de uma parede.

  • Casa em movimento
  • A casa não pode ser concebida como algo acabado. As mudanças são necessárias, porque o caráter humano é móvel. A casa deve ser como um quadro, no qual o morador compõe como quiser.

  • Conforto
  • O conforto não está apenas em ter um sofa confortável, mas em sentir que o ambiente abraça você. Quando buscamos o que queremos para a nossa casa, acabamos por descobrir quem somos.
    Os ambientes devem estar preparados para facilitar os encontros agradáveis, recebendo bem os amigos, sem cerimônia. Não devem ser pequenos e nem grandes demais, para que as pessoas possam se RELACIONAR.

  • Luz indireta
  • A luz indireta acalma e cria um clima aconchegante. Para relaxar antes de dormir, use abajures e evite a luz direta - "a luz indireta e difusa induz ao sono, que é regido pelo claro e escuro." Duas horas antes de dormir, evite a luz branca, inclusive a da tela do computador. Prefira a amarela, suave, de um abajur.
    A luz de velas também favorece o relaxamento. Os castiçais podem ser usados em várias situações, não é preciso uma grande situação para acendê-las.

  • Funcionalidade
  • Os objetos de uso frequente devem ficar a mão, separados por interesse e isso serve para todos os cômodos: desde as gavetas de roupas, aos documentos no escritório. O exercício de arrumar a casa ajuda a se reestruturar mentalmente.

  • Peças únicas
  • Peças únicas, feitas por você, personalizam a casa. É FUNDAMENTAL que a casa tenha a cara do dono e seja um espaço de experimentação. Não é preciso comprar peças caras, mas sim, investir naquelas com algum valor pessoal.

  • Heranças de valor sentimental
  • Encontre a melhor forma de usá-las para que todos possam vivenciar as histórias de família: louças, talheres, colchas, objetos etc.

  • Lembranças que inspiram
  • Compartilhe fotos de família, objetos de viagem e presentes de amigos. Estes elementos devem ser expostos, pois resgatam vínculos afetivos e remetem a momentos de alegria. O conforto da casa está naquilo que você gosta!

  • Aromas dão identidade
  • O cheiro preferido pode ser estimulante ou relaxante, não importa! Existem essências fáceis de manipular que devem ser usadas quando se entra em casa e/ou de acordo com a ocasião. Também vale acender incenso ou colocar flores perfumadas. Procure os incensos sem carvão, pois queimam mais devagar e não poluem. Após a limpeza da casa, o incenso purifica as energias.

  • Artesanato
  • As peças feitas a mão trazem a dedicação e a habilidade de alguém. As molduras esculpidas, os móveis antigos renovados e as pinturas artesanais devem ser valorizados pela ESSÊNCIA do trabalho.

  • Banho revigorante
  • Crie seu banheiro para que nele seja possível transformar a hora do banho em um ritual.
    Se for chuveiro: no momento em que abrir a torneira, mentalize e/ou visualize uma cachoeira. Existem ótimos óleos e géis de ducha, deixe a água levar.
    Se for banheira: coloque sais e óleos perfumados na água e aproveite o momento para relaxar. Ler um livro, tomar uma taça de vinho ou simplesmente, ESTAR.
    Uma luz colorida (azul, verde, âmbar ou lilás) em cima da banheira ou na área do box é um ótimo recurso!